Conheça os principais tratamentos de rejuvenescimento das pálpebras




O rejuvenescimento das pálpebras está entre os tratamentos estéticos mais procurados atualmente, mas é preciso cuidado com a escolha do procedimento para obter bom resultado. Quer saber mais? Acompanhe o artigo.

As ações do tempo são implacáveis e o envelhecimento da pele é inevitável. Ele geralmente marca a chegada dando sinais na face, motivados pela exposição ao sol, pelo tipo de pele, pela genética ou mesmo por hábitos não saudáveis como o cigarro. A área de pele que mais sofre com as consequências é a que fica ao redor dos olhos, principalmente nas pálpebras, por ser mais fina e delicada.

Em geral, o excesso de pele começa a aparecer nas pálpebras por volta dos 40 anos. Na maioria dos casos, atinge a parte superior, embora haja quem tenha esse problema também na parte inferior. A queixa constante dos pacientes é a de que as pálpebras caídas deixam o rosto com aparência cansada e envelhecida.

O resultado não poderia ser outro: a necessidade de cuidados com o rejuvenescimento das pálpebras tem impulsionado a busca por procedimentos estéticos que venham apresentando bons resultados, com melhora estética palpebral e de sua flacidez, trazendo mais brilho e firmeza a essa área.


Entre os principais tratamentos disponíveis para o rejuvenescimento das pálpebras, destacam-se:


Toxina botulínica

Pode ser aplicada na lateral dos olhos e no final das sobrancelhas, logo acima das pálpebras. O botox é muito procurado para prevenir as marcas de expressão ao redor dos olhos, uma vez que provoca a paralisia do músculo e evita os danos à pele causados pelos movimentos. Para quem deseja um efeito lifting, pois tem leve flacidez na região o procedimento pode ser uma boa opção. As aplicações hoje em dia são menos doloridas, tem a duração de quatro a seis meses e podem ser repetidas.


Laser CO2 fracionado

Procedimento mais profundo, age com alta potência, mas deixa íntegras as áreas ao redor. O objetivo do tratamento de pálpebras com laser não é substituir a cirurgia plástica, mas postergá-la. Tem apresentado bons resultados no rejuvenescimento das pálpebras, pois estimula o aumento da produção de colágeno. O tratamento não é invasivo e envolve abordagem pela conjuntiva palpebral, o revestimento interno das pálpebras. No entanto, a técnica pede cuidado redobrado e só deve ser realizada por profissional especializado, pois pode causar retração nas pálpebras.


Ultrassom microfocado

Indicado para flacidez leve e moderada ao redor dos olhos, atinge as camadas mais profundas da pele, onde ficam os músculos. As ondas de calor geradas pelo aparelho provocam a retração das fibras, enquanto o mecanismo aumenta a tonicidade da pele, causando o efeito lifting. Uma ou duas sessões por ano, com intervalo de seis a oito meses são suficientes para resultados efetivos no rejuvenescimento das pálpebras.


Blefaroplastia cirúrgica

O procedimento é indicado para flacidez nas pálpebras e excesso de pele, mas só é recomendado caso haja um grande incômodo estético ou se as pálpebras estão atrapalhando a visão. O motivo é que não é tão simples como parece, pois retira o excesso de pele ou gordura dessa estrutura de proteção do olho. O procedimento é considerado bom para o rejuvenescimento das pálpebras, mas deixa uma marca, quase imperceptível, no centro da pálpebra superior. Por isso, o período pós-cirúrgico pede pelo menos uma semana de repouso para a cicatrização. Os resultados definitivos aparecem após três meses e em dez anos o paciente necessita de reavaliação.


Blefaroplastia sem corte com Jato de Plasma

O tratamento não necessita do uso do bisturi e não necessita ser realizado no centro cirúrgico (em ambiente hospitalar). Por este motivo tem sido um tratamento cada vez mais utilizado pelos médicos para esta finalidade. Ele é realizado através de um aparelho gerador de jato de plasma (gás ionizado). O especialista faz pequenos pontos nas pálpebras utilizando o gerador de plasma diminuindo a flacidez de pele na região. Em uma sessão já possível ver uma melhora significativa e a duração do efeito varia entre 1 a 2 anos. Dependendo do caso o médico pode indicar mais de uma sessão. O Jett Plasma é indicado para rejuvenescimento de pálpebras e terapias faciais.


O mecanismo de ação do Jett Plasma é o seguinte: as membranas celulares da pele contêm canais que servem para transportar água, elementos nutricionais, íons positivos e negativos. O envelhecimento leva ao fechamento desses canais e a dificuldade de troca de íons de sódio e potássio. A descarga de plasma é usada para abrir esses canais, através da despolarização da membrana, e permite a separação de íons de potássio dentro da célula e de sódio fora dela, restaurando seu potencial elétrico original. Assim, as células são hidratadas de novo, deixando a pele mais firme. Adicionalmente, a descarga de plasma gerada pelo Jett Plasma causa um dano térmico controlado na região tratada provocando uma retração tecidual imediata e estimulando a produção de novas fibras colágeno e elastina, melhorando da superfície e elasticidade da pele.


A principal vantagem do procedimento é que ele não é cirúrgico, como a blefaroplastia cirúrgica, e por isso não necessita de afastamento das atividades. Além disso, é indolor, tem tecnologia inovadora, corrente contínua e aplicadores de diferentes tamanhos que permitem a realização de tratamentos em regiões mais sensíveis como do entorno dos olhos. Ele conta com certificações internacionais e estudos clínicos comprovados, e é aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA e pelo Inmetro.


Gostou do artigo? Saiba mais em https://www.celebrim.com.br

Jett Plasma Lift - https://www.celebrim.com.br/jett-plasma-lift

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Celebrim Importações e Distribuições © 2019 Copyright | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS -

Endereço: Rua Vieira de Moraes 1111 - Campo Belo - São Paulo - contato@celebrim.com.br

Tel: +55 11 3436-0625 | 11 3473-8169 | 11 94465-6002